O Consulado

O Consulado

O CONSULADO

  O Cônsul Geral

Seja bem vindo ao novo portal do Consulado-Geral de Portugal em Paris!

Este portal conta com muitas funcionalidades novas e permite agora um acesso facilitado ao nosso novo Centro de Marcações online e tratar de vários assuntos a partir de casa (ver a função "Consulado em casa").

É assim nossa intenção melhorar a eficiência dos serviços consulares dando, simultaneamente, uma elevada atenção à relevante comunidade portuguesa que habita na nossa vasta área de jurisdição.

Como Cônsul-Geral tenho igualmente participado nas atividades sociais, culturais e económicas que promovem o desenvolvimento, o progresso e a visibilidade dos portugueses nesta região e que contribuem para o prestígio de Portugal e para a divulgação da Língua e Cultura portuguesas.

A Diáspora Portuguesa na área de jurisdição deste Consulado Geral conta já com uma grande maturidade e uma tradição sólida que nos deverá permitir, em conjunto, aprofundar a sua participação na vida deste país, sem deixar de defender a cultura e a história particulares da Nação portuguesa, referência incontornável da nossa identidade.

António Albuquerque Moniz
Cônsul-Geral de Portugal em Paris

  Jurisdição

A área de jurisdição do Consulado Geral de Portugal em Paris abrange os seguintes Departamentos ou Territórios:

02 Aisne
08 Ardennes
10 Aube
14 Calvados
18 Cher
22 Côtes d'Armor
27 Eure
28 Eure-et-Loire
29 Finistère
35 Ille et Vilaine
36 Indre
37 Indre-et-Loire

41 Loir-et-Cher
44 Loire-Atlantique
45 Loiret
49 Maine-et-Loire
50 Manche
51 Marne
53 Mayenne
56 Morbihan
59 Nord
60 Oise
61 Orne

62 Pas-de-Calais
72 Sarthe
75 Paris
76 Seine Maritime
77 Seine et Marne
78 Yvelines
79 Deux Sèvres
80 Somme
85 Vendee
86 Vienne
87 Haute-Vienne
89 Yonne
91 Essonne
92 Hauts-de-Seine
93 Seine-Sant-Denis
94 Val-de-Marne
95 Val d’Oise
971 Guadeloupe
972 Martinique
973 Guyane
974 La Réunion
976 Mayotte

  Consulados Honorários dependentes

Na área de jurisdição, dependentes do Consulado Geral de Portugal em Paris, estão três Consulados Honorários:

Consulado Honorário de Portugal em Lille
Titular: Senhor Bruno Cavaco

Consulado Honorário de Portugal em Orleães 
Titular: Senhor José Ribeiro Lopes de Paiva
Endereço: 27 D, rue Marcel Proust - 45000 Orléans

Consulado Honorário de Portugal em Tours
Titular: Senhor Ilídio Luís Balenas Palheta
Endereço: 14 place Jean Jaurès - 37000 Tours

Consulado Honorário de Portugal em Rouen
Titular: José Afonso Soares Stuart-Torrie


  Um pouco da história do Consulado

Há referências ao consulado em Paris que datam do ano 1760, como é o caso das cartas do Conde Aposentador-Mor sobre negócios do Cônsul de França. Parte substancial da documentação anterior a 1832, referente a esta representação consular, sem dúvida uma das mais antigas representações de Portugal, encontra-se no Arquivo Nacional da Torre do Tombo. Por este consulado passaram figuras da maior relevância da sociedade portuguesa, de entre as quais se destaca Eça de Queiroz, que aqui exerceu funções de finais de 1888 a 1894.

Instalações

No ano de 1876, os serviços do Consulado encontravam-se na Avenida de Caumartin, em Paris 9.

No ano de 1877 passaram a funcionar no nº 29 da Avenida Wagram, em Paris 8, aí tendo permanecido até 1939.

De 1939 a Maio de 1965, funcionaram no nº 18 da Avenida Kléber, em Paris 16.

De Maio de 1965 a 30 de Abril de 1981, permaneceram no nº 10 da Rua Edouard Fournier, em Paris 16.

De 1 de Maio de 1981 até 30 de Abril de 1999, funcionaram num imóvel situado no nº 187 da Rua du Chevaleret, em Paris 13.

Desde 1 de Maio de 1999 o Consulado-Geral de Portugal em Paris encontra-se nas suas atuais instalações, nos números 6 a 8 da Rue Georges Berger, em Paris 17, após a aquisição do edifício pelo Estado Português em julho de 1998.

Os registos de propriedade existentes não permitem conhecer com precisão a data de construção dos prédios nº 6 e 8 da Rue Georges Berger. De qualquer modo, segundo os mesmos registos, parece incontestável que o prédio do nº 6 foi construído em pleno período "haussmaniano" (IIº Império) ou seja, entre 1860 e 1870, altura em que esta zona de Paris, 8º e 17º bairros, nomeadamente, foi completamente reconstruída, tornando-se o bairro residencial da grande burguesia parisiense.

Este prédio estava circundado de terrenos pertencentes à sociedade dos Irmãos Pereire (políticos e homens de negócio de origem portuguesa), muito conhecidos naquela época.

A sociedade "Pereire" vendeu os ditos terrenos para construção de residências particulares, em Junho de 1875. Os registos notariais, ainda que incompletos, confirmam a construção do prédio nº 6, antes desta data. Quanto ao do nº 8, é típico da Arte Nova, o que situa assim a sua construção no princípio do século XX, em data anterior a 1918, já que nesse mesmo ano ambos os edifícios foram adquiridos por uma família de nome Chouard.

Estes prédios estão situados no perímetro de proteção dos monumentos históricos.

Georges Berger era um engenheiro de minas, deputado do 9º bairro de Paris e foi comissário geral da Exposição Universal de 1899. Habitou no prédio do nº 8.

Cônsules em Paris

  • 1831 a 1835 – Bernardo Daupiás
  • 1836 a 1847 – Bernardo Daupiás (como Barão de Alcochete).
  • 1848 a 1848 - Manuel Moreira Coelho (Vice-Cônsul)
  • 1849 a 1858 - João Mouzinho da Silveira (Vice-Cônsul)
  • 1861 a 1867 – Visconde Adolfo de Paiva (Encarregado)
  • 1868 a 1869 - Heitor Gitton
  • 1870 a 1870 - Barão de Santos
  • 1871 a 1876 – Joaquim José Proença-Vieira
  • 1877 a 1884 – Augusto de Faria
  • 1885 a 1888 – Augusto de Faria (como Visconde de Faria)
  • 1888 a 1894 - José Maria Eça de Queirós
  • 1894 a 1912 - Armando de Navarro
  • 1912 a 1914 - José Maria Carvalho Guimarães
  • 1914 a 1938 - Pedro Cid
  • 1938 a 1939 - José Luís Archer
  • 1939 a 1942 - António José Alves
  • 1942 a 1946 - José Xara Brasil Rodrigues
  • 1946 a 1947 - Augusto Rato Potier
  • 1947 a 1951 - Luís Jorge da Costa
  • 1952 a 1952 - Eduardo Alberto Bacelar Machado
  • 1952 a 1957 - Martins Machado Faria e Maya
  • 1957 a 1960 - Jorge José Borja de Araújo Freitas
  • 1960 a 1963 - Alfredo Lencastre da Veiga
  • 1963 a 1965 - Augusto Henrique de Almeida Coelho Lopes
  • 1966 a 1968 - António Augusto Coelho Bártolo
  • 1968 a 1971 - Inácio José Araújo Rebello de Andrade
  • 1971 a 1974 - Pedro Mourão de Mendonça Corte Real da Silva Pinto
  • 1974 a 1976 - Luís Gaspar da Silva
  • 1976 a 1979 - Constantino Ribeiro Vaz
  • 1980 a 1986 - Manuel Gervásio Martins de Almeida Leite
  • 1986 a 1990 - Pedro Paulo de Moraes Alves Machado
  • 1990 a 1994 - José Tadeu da Costa Sousa Soares
  • 1994 a 1999 - José Duarte Sequeira e Serpa
  • 1999 a 2004 - Nuno António Ribeiro de Bessa Lopes
  • 2004 a 2009 - João Dória Nóbrega Teotónio Pereira
  • 2009 a 2012 - Luís Manuel Fernandes de Menezes de Almeida Ferraz
  • 2012 a 2015 - Pedro Manuel Carqueijeiro Lourtie
  • 2015 a ….. - António Albuquerque Moniz.

Eça de Queiroz em Paris, a ler o 'Le Figaro'

 


Busto de Eça de Queiroz
Av. Charles de Gaulle, Neuilly-sur-Seine

 
 

  Algumas imagens do Consulado Geral de Portugal em Paris

 

2016 © Consulado Geral de Portugal em Paris
Site desenvolvido por Luis Bernardo